Village business: ideias para ajudá-lo a se tornar bem-sucedido e independente

Organizar um negócio em uma vila às vezes é muito mais fácil do que em uma cidade, onde o aluguel é mais alto e as demandas dos consumidores são maiores.

Caros leitores! Nossos artigos falam sobre maneiras típicas de resolver questões jurídicas, mas cada caso é único.

Se você deseja saber como resolver seu problema específico - por favor, entre em contato com o formulário de consultor online à direita ou ligue para 8 (800) 350-29-87. É rápido e grátis!

Como ganhar dinheiro na aldeia? Muitos ficarão surpresos, mas organizar o seu negócio no campo é muito mais fácil e barato do que na cidade. Além disso, quando você tem sua própria fazenda subsidiária e um terreno em mãos, pode economizar no investimento inicial e usar o equipamento e as matérias-primas existentes. Então, como abrir seu próprio negócio no campo?

Especificações comerciais

Hoje, muitos estão interessados ​​na questão: como começar um negócio no campo? Os especialistas recomendam aproveitar ao máximo os recursos existentes. Isso ajudará a reduzir seu investimento inicial. E quando a receita estiver mais ou menos estável, você pode pensar em expandir o empreendimento.

Mas como você começa um negócio realmente lucrativo e bem-sucedido? Para que um negócio de aldeia seja bem-sucedido, você precisa estudar cuidadosamente o mercado e determinar o que existe uma demanda estável. Além disso, o público consumidor é importante: se você planeja atender às necessidades e exigências de outros moradores da vila, terá que fazer o que está sendo solicitado por seus vizinhos e se espera vender seus produtos (ou oferecer serviços) em outros assentamentos, então, portanto, você precisa monitorar lá entre os consumidores em potencial.

O que isso significa na prática? Se você quer organizar um negócio na sua aldeia, onde vivem principalmente aposentados, então é claro que um salão de beleza ou spa não terá sucesso. Por outro lado, o comércio externo - uma loja de automóveis - pode ser muito lucrativo. E se você tem uma fazenda subsidiária que dá muito mais leite, queijo cottage, vegetais, frutas, ovos do que você pode usar, então é razoável vender o excedente para lojas ou restaurantes.

Como começar o seu negócio no campo?

Antes de iniciar um negócio em uma aldeia, você precisa avaliar suas capacidades, ativos disponíveis, bem como a demanda por vários bens e serviços. Depois disso, você precisa comparar várias opções possíveis, sua lucratividade e o valor do investimento na fase inicial e escolher o negócio mais lucrativo. Depois disso, você precisa elaborar um plano de negócios e se registrar como empresário individual, adquirir os equipamentos e ferramentas necessários (se, é claro, você não tiver) e começar a trabalhar.

Negócio próprio no campo: ideias

Se você tem uma casa grande e uma fazenda subsidiária em sua aldeia, pode começar seu próprio negócio, praticamente sem investir fundos adicionais. Sobre o que é isso? Por exemplo, você pode:

Plano de negócios para loja de eletrodomésticos

Acontece que é na aldeia hoje que você pode abrir seu próprio pequeno negócio com sucesso!

Relevância e vantagens de criar e desenvolver seu próprio negócio na aldeia

Muitos habitantes da cidade nem pensam na oportunidade de desistir de tudo e mudar-se para viver fora da cidade. Embora seja muito mais barato e mais lucrativo: hoje a terra alimenta uma pessoa mais rápido do que um trabalho comum em uma prefeitura. Porque?

Existem muitos profissionais a favor dos negócios na aldeia, em particular:

O facto de hoje existir um certo défice na produção agrícola nacional fala a favor da relevância do negócio na aldeia. Portanto, você pode facilmente preencher esse nicho. Além disso, há muitas direções no campo dos negócios de vilas - e cada uma delas é solicitada.

Como organizar o seu negócio na aldeia é descrito no seguinte vídeo:

Negócios no campo: prepare-se sempre para a competição!

Portanto, várias áreas devem ser desenvolvidas em paralelo ao mesmo tempo, mas você não deve perder seu tempo. Caso contrário, você pode não obter o retorno desejado de qualquer atividade tradicional ou de uma direção exótica.

Portanto, é muito importante seguir várias regras para fazer a escolha certa a favor de uma solução original e eficaz e não perder tempo e dinheiro ao mesmo tempo:

  • é necessário desenvolver o que é considerado tradicional para a região. Isso é o que permitirá que você obtenha uma renda estável;
  • ao escolher uma direção exótica para um negócio de aldeia, você não deve confiar apenas em sua especificidade. Isso pode não agradar ao consumidor. Portanto, você precisa decidir sobre o segmento-alvo, i. . com aqueles que irão adquirir tais produtos. Para a seleção direcionada, uma série de critérios devem ser diferenciados, sendo os principais a renda dos compradores e a demanda sazonal de produtos. E de acordo com os indicadores obtidos, será possível planejar o volume de investimentos, vendas e receitas;
  • se a direção escolhida tem como alvo estrito os consumidores, não espere um grande retorno nos negócios, mas sim concorrentes. Portanto, os negócios no campo devem ser móveis, i. . não se limitar a apenas um tipo de atividade e uma região. A promoção online, os serviços de valor agregado e as oportunidades para os clientes são todos necessários para o desenvolvimento e uma posição estável no mercado;
  • você não deve tentar cobrir muitos tipos de atividades ao mesmo tempo. Os negócios na aldeia estão associados a uma grande intensidade de trabalho, o que deve render. E aqui o princípio de Pareto entra em ação: 20% dos esforços devem trazer 80% de eficiência. Se acontecer o contrário, você deve rever o seu negócio: o que é supérfluo e o que não é lucrativo.

Devemos nos concentrar na preferência pessoal?

O que é preferência pessoal? Estas são as áreas de negócios sobre as quais você tem uma ideia clara, experiência, conhecimento e prática de fazer negócios. No entanto, engajar-se em tal negócio ainda não significa ter lucro ou, pelo menos, receita.

  • quanta competição existe nesta área;
  • é possível na área escolhida focar em serviços e benefícios adicionais para o consumidor para ficar à frente dos concorrentes;
  • você tem uma vantagem que lhe permitirá superar os concorrentes - por exemplo, preços baixos ou vendas a custo, etc.
  • quão grande é o mercado e quanto dele pode ser Ganhou;
  • que tipo de financiamento deve ser para espremer os concorrentes;
  • você tem uma ideia original que permitirá que você apresente;
  • Em quem é o foco do negócio planejado da aldeia e existe um plano claro para sua construção, manutenção e reorientação.

Um plano de negócios para consertar eletrodomésticos em uma loja é melhor feito a partir de um modelo de plano de negócios pronto e funcional

Abrir o seu próprio negócio é o desejo de muitos, pois assim você poderá trabalhar exclusivamente para si, fazer uma coisa interessante e favorita, esquecer o diretor e não depender do seu humor, obtendo uma renda decente. Você não deve pensar que essas oportunidades estão abertas apenas para moradores da cidade, não, elas estão disponíveis para qualquer pessoa, e se você mora em uma área rural, pode facilmente ter muitas idéias interessantes. A prática mostra que existem muitas ideias promissoras para o negócio rural, e mesmo aquelas que podem ser implementadas mesmo em um assentamento muito pequeno. Você deve escolher a mais aceitável para si mesmo, para a qual sugerimos olhar uma pequena visão geral das opções comprovadas.

Serraria como uma das atividades lucrativas

A única desvantagem é que para abrir esta empresa você precisará de muito capital inicial (em média cerca de 3 milhões de rublos), mas a lucratividade é definitivamente alta e o período de retorno é baixo. Portanto, você precisará dos custos para:

  • aquisição de equipamentos adequados: básicos (máquinas, etc.), adicionais (carrinhos, afiação para serras);
  • disposição dos armazéns (um - para armazenamento de matérias-primas, o segundo - para produtos);
  • compra das matérias-primas necessárias para iniciar um negócio;
  • aluguel e recursos;
  • remuneração dos funcionários envolvidos.

Agroturismo como segunda tendência do nosso tempo

Proporcione condições confortáveis ​​de paragem e alojamento para pernoite, organize um local de lazer, um programa de um mini-tour pela zona envolvente, e não acabará com visitantes. Não hesite, muitos habitantes da cidade se interessarão pela oferta de lazer no seio da natureza, serão atraídos pelo sabor da aldeia, onde em vez do rugido dos carros ao amanhecer serão despertados pelo grito de um galo, e em à noite, o assobio agradável de um grilo os embalará para dormir. Muitos moradores da cidade fazem uma viagem para a aldeia, onde você pode ver como cabras e ovelhas reais são pastadas, leite de vaca é ordenhada, ovos são escolhidos do feno em um pequeno galinheiro, eles fazem queijo real e uvas são cultivadas como um real exótico. O que para você, como aldeão, é lugar-comum, muitos dos habitantes da cidade nunca viram e com grande prazer mergulhar neste ambiente maravilhoso. Já agora, se a aldeia tem albufeira, pode complementar esta ideia de negócio com um descanso à beira do rio (pesca matinal, "encontros" nocturnos à volta do fogo, colorida celebração da noite em Ivan Kupala, etc.).

Claro, esse tipo de negócio também requer capital inicial, mas também tem bons resultados. Os custos são necessários para:

  • construindo / organizando casas;
  • fornecimento de refeições para convidados;
  • criando seu próprio site (isso é necessário para comunicar o máximo possível sobre você o número de pessoas).

Interessante! O agroturismo pode coexistir muito bem com qualquer outro negócio da aldeia. Abra uma fazenda de avestruzes ou codornizes, um apiário, faça queijos caseiros e, ao mesmo tempo, venda um produto saudável e ecologicamente correto.

Apiário como uma direção puramente rural

Qual produto, sem exagero, pode ser considerado o mais delicioso, saudável, procurado, adorado pelas crianças e querido pelos adultos de todas as idades? Claro, querido! Este é um negócio puramente de aldeia, e quanto mais longe do pó da cidade estiver o apiário, mais limpo, mais ecológico e valioso será este produto.

Quanto ao retorno do investimento, os especialistas consideram este negócio um dos mais lucrativos. A demanda por mel e produtos apícolas é bastante alta. Em termos de custos, tal negócio é um dos mais acessíveis, requer várias vezes menos investimento do que as opções descritas acima. Você precisará de:

Abrir um negócio lucrativo na aldeia torna-se mais acessível a cada ano, graças ao progresso científico e ao apoio governamental. Tendo capital monetário, você pode organizar um negócio em grande escala e ficar rico, você também pode ganhar dinheiro de forma realista e sem investimento, começando um negócio do zero.

Instruções passo a passo sobre como iniciar um negócio

Compramos equipamentos e matérias-primas

Ideias para Negócios em Aldeias

As 10 melhores ideias de negócios rurais mais populares em 2021:

  • Apiário. Você pode adquirir colméias no local e vender mel, trave, cera de abelha, geléia real e favo de mel. Se desejar, as velas são feitas de cera de abelha. Eles servem tanto como remédio (devido às propriedades bactericidas da cera) quanto como decoração decorativa. É possível fazer opções de presentes e derretê-las sob encomenda, por exemplo, no inverno - para o Ano Novo, Natal e outros feriados. No verão - para as férias do Salvador, Dia das Crianças. Se você configurar seu negócio corretamente, até mesmo as crianças pequenas terão algo a ver com o benefício do negócio.
  • Ervas. Nos últimos anos, tem sido benéfico cultivar ervas e embalá-las. Tanto na forma pura para uso posterior para fins medicinais ou cosméticos, quanto como parte de taxas. É necessário um pequeno investimento em sementes, mas com os canais de distribuição certos, você pode transformar um pequeno negócio em uma opção lucrativa. Uma sala separada deve ser alocada para secar ervas. Eles podem ser usados ​​como enchimento em almofadas aromáticas e em bonecos feitos à mão, faça você mesmo cremes e pomadas. Com uma tendência para tudo que é natural, essa subespécie do negócio de ervas certamente encontrará seus fãs.
  • Fabricação de queijo. O campo é uma ótima opção para fazer queijos caseiros. Leite fresco à mão, receitas dos tipos populares (halloumi, queijo feta, brunost, belper e outros) estão disponíveis gratuitamente na internet. Culturas iniciais, ervas e temperos podem ser feitos e cultivados por conta própria e comprados de residentes locais. Se a aldeia está localizada perto de uma cidade, especialmente uma grande, você pode fazer uma quantidade de queijo sob encomenda e providenciar a entrega.
  • Estufa. Em estufas, você pode cultivar vegetais, morangos e ervas (manjericão, endro, salsa). As estufas podem ser feitas tanto das mais simples como com aquecimento e irrigação gota-a-gota. Se você investir dinheiro em uma estufa, poderá até cultivar morangos no local durante todo o ano.
  • Floricultura. As estufas são necessárias para o cultivo durante todo o ano. É lucrativo lidar com plantas para paisagismo e flores que podem ser vendidas. Para isso, são adequadas floriculturas, atacadistas e empresas que se dedicam à decoração de flores de festas.
  • Fazenda. Aqui a escolha é enorme. Alternativamente, criação de galinhas. Para obter mais lucro, você pode vender carcaças frescas, ovos e produtos acabados. A carne pode ser salgada com ervas e vendida como carne enlatada caseira natural.
  • Criação de peixes de aquário. É aconselhável começar com particulares menos exigentes, atendendo gradativamente os pedidos nos pontos de venda ou clientes pessoa física. Uma pequena empresa trará grandes lucros se as algas cultivadas e os alimentos mistos forem vendidos em paralelo. Um meio adicional de ganho é a fabricação de aquários, incluindo tamanhos e formatos não padronizados.
  • Agroturismo. Onde o terreno permitir, podem ser organizados passeios de catering de fim de semana. Nos últimos anos, os residentes urbanos mudam-se com maior frequência para o campo devido ao esgotamento profissional no trabalho ou ao desejo de um estilo de vida saudável. Um quarto separado em uma casa bem cuidada, um pequeno trailer, uma casa separada e um mini-hotel serão lucrativos. O principal é organizar comida, sauna, diversão. Para alguns, bastam vistas pitorescas, estantes de livros, para outros é possível organizar pescarias, inclusive no inverno.
  • Abrindo um mini-acampamento. Opção para aldeias localizadas perto da cidade. No verão, esse acampamento pode competir com um jardim de infância. O princípio básico são pequenos grupos com os quais você pode organizar atividades ao ar livre, piqueniques, preparação para a escola, aprendizagem de línguas estrangeiras. A ocupação depende das capacidades e desejos dos pais.
  • Secagem e secagem. Você pode preparar lanches secos com uma mistura ou um único ingrediente. Pegue a matéria-prima de seu jardim ou compre de outros moradores. Bagas, maçãs, peras e tomates bastam. Você também pode se envolver na secagem de frutas importadas - bananas, caquis.

O empreendedorismo na Internet é sempre relevante:

  • ganhos em programas afiliados;
  • prestação de serviços;
  • vendas;
  • serviços de publicidade.

O vídeo discute as melhores ideias de negócios para ganhar dinheiro na aldeia. Retirado do canal "People's Business!"

Instruções passo a passo sobre como iniciar um negócio

Para organizar seu próprio negócio na aldeia, você precisa realizar uma série de ações:

  • Escolha um nicho.
  • Analise consumidores e concorrentes.
  • Crie um plano de negócios.
  • Compre tudo o que você precisa para o caso selecionado.

Seleção e análise de nicho

Anteriormente, acreditava-se que os nascidos em uma aldeia não estavam destinados a alcançar algo global na vida, porque em tal localidade não há perspectivas de autodesenvolvimento. No entanto, as pessoas da aldeia provam o contrário - tornam-se empresários de sucesso, cuja renda qualquer citadino pode invejar. Neste artigo, diremos que tipo de negócio você deve fazer na aldeia para garantir uma vida próspera para sua família. Você ficará surpreso com quantas possibilidades diferentes estão abertas para os moradores. Porém, para realizá-los, as pessoas têm que trabalhar muito, levantar cedo e ficar acordadas até tarde. O ritmo louco de vida de um empresário de aldeia não é para todos.

Abertura de um centro de entretenimento para jovens

Se é residente num assentamento com uma população de 10-15 mil habitantes, iremos apresentar-lhe uma excelente opção, que tipo de negócio pode abrir na aldeia. Pode tornar-se proprietária de um centro de animação para a juventude rural, no qual à noite, após um árduo dia de trabalho no jardim ou no pasto, ela se divertirá nas suas horas de lazer.

Para fazer isso, você precisará pesquisar o que os jovens locais preferem fazer em seu tempo livre, porque sua instituição deve estar claramente focada nos interesses dos jovens. Se você negligenciar essa recomendação, seu projeto empresarial fracassará e não lhe trará nenhuma receita.

Quais são os tipos de centros de entretenimento juvenil:

Para abrir qualquer um dos referidos estabelecimentos, deve, obviamente, ter à sua disposição pelo menos 50.000 rublos para pagar a renda e equipá-lo com o equipamento necessário. Observe que você não precisará comprar novos equipamentos. Para um público rural, que não é o público mais solvente, não é o nível de conforto que importa, mas a oportunidade habitual de relaxar e descontrair. Em alguns meses, você poderá recuperar seu investimento e, então, ganhar de forma consistente pelo menos 30.000 rublos por mês. Então, se você ainda não consegue decidir qual negócio na aldeia é mais lucrativo, comece implementando esta opção. Economize dinheiro e então você pode abrir um negócio mais lucrativo.

Apicultura

Se a questão de saber que negócio lucrativo pode ser aberto na aldeia é relevante para você, e você tem 50.000 rublos à sua disposição, sinta-se à vontade para começar a criar um apiário. Jamais se arrependerá de tal decisão, pois segundo dados de empresários experientes, a rentabilidade de um negócio relacionado à apicultura chega a 15%, e o dinheiro investido pode ser devolvido em uma temporada.

Apresentamos instruções passo a passo sobre como iniciar um negócio na aldeia relacionado com o cultivo de plantas de mel:

  • Escolha um pequeno terreno em sua dacha, de preferência seco. Não muito longe dele deve necessariamente crescer plantas das quais as abelhas irão coletar pólen no futuro. Em nenhum caso, empreendimentos industriais devem ser localizados perto do futuro apiário, pois eles prejudicarão a saúde das abelhas;
  • Cercar este lugar com uma cerca e instalar uma estufa. É muito importante que as futuras colmeias sejam altas, mas protegidas da exposição ao sol e aos ventos fortes;
  • Compre colmeias de pessoas versadas em apicultura. Não é necessário adquirir novos, pois são muito caros. No início, 10 colmeias são suficientes para você;
  • Compre colônias de abelhas. Deve haver exatamente o mesmo número de colmeias que você tem. Cada colônia de abelhas deve viver em sua própria colméia.

Compre o estoque necessário. Você precisará de:

Encontre um consumidor do seu produto através da Internet, das redes sociais, através da publicidade na rádio e nos jornais. Seus clientes em potencial incluirão:

  • Pessoas comuns;
  • Proprietários de mercearias e pontos de venda no mercado;
  • Cosmetologia e organizações farmacêuticas.

Koristimo kolačiće
Koristimo kolačiće kako bismo osigurali da vam najbolje iskustvo na našoj web stranici. Koristeći web stranicu pristajete na naše korištenje kolačića.
Dopustite kolačiće